quarta-feira, 16 de abril de 2008

Ter um adolecente em casa....





Não esta sendo nada fácil, minha mãe sempre me dizia que eu iria sentir na pele quando tivesse
meus filhos e realmente estou sentindo, estou vivendo tudo o que minha mãe viveu com os cinco filhos adolescentes, eu sempre soube que este dia iria chegar mas o que eu não esperava é que aquele pedacinho de gente, aquele bebezinho lindo carinhoso e comportado fosse se transformar neste adolescente tão arredio, tão sem paciência, gente vocês não tem noção do que estou enfrentando.
O Luís esta sem paciência nenhuma chora por qualquer motivo, esta respondendo eu e meu marido coisa que ele não fazia, não admite que chame a atenção dele, nesta hora ele chora e diz que ele não é mais criança e que por tudo nós brigamos com ele, não tem paciência com o Lucas... me lembro como ele era carinhoso com o irmão agora o menino não pode se aproximar que ele começa a brigar como se o Lucas entendesse alguma coisa, eu fico morrendo de dó pois o Lucas sempre foi muito apegado ao Luís. Tudo bem que ele realmente não é mais criança, mas para tudo tem limite, não podemos por exemplo deixar ele sai a noite sem horários para voltar, pois enquanto ele não chega eu não durmo e ainda tenho que ficar ouvindo do meu marido que sou muito estressada que tenho que ver que o Luís não é mais criança, eu sei de tudo isso, mas também tenho experiências muito tristes na família por que os pais deram esta liberdade toda que os filhos adolescentes tanto querem.
Digo ao Luís que se eu imponho limites é porque eu o amo, eu não quero ter que receber de madrugada alguém na minha porta me dando uma noticia ruim, pois ele é minha vida é um pedaço de mim, e tenho certeza de que isso não é exagero como diz o meu marido, é claro que ele não chegou ao ponto de colocar piercing no nariz e usar roupas pretas, ele é um rapaz responsavél na empresa junto com o pai e cumpre com suas obrigações direitinho, continua estudando muito e faz o curso de web designer, tenho muito orgulho dele, o que me preocupa é esta liberdade toda que ele quer, é esta falta de paciência que ele esta tendo com o irmão e as respostas mal educadas que tenho recebido dele toda vez que faço uma pergunta.
Tenho chorado muito por isso, e agora com a gravidez estou muito mais sensível , será que exagerei na proteção que dei a ele estes 17 anos?, será que estou ficando neurótica como ele mesmo diz? ou sou igual a todas as mães que ama seu filho e não quer que nada de mal aconteça...Saber que vou passar por tudo isso mais duas vezes.

4 comentários:

Grogal on 16 de abril de 2008 10:32 disse...

Attention! See Please Here

JoJosho on 18 de abril de 2008 23:48 disse...

See Please Here

Home Theater on 19 de abril de 2008 10:47 disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Home Theater, I hope you enjoy. The address is http://home-theater-brasil.blogspot.com. A hug.

Lu Brasil on 23 de abril de 2008 16:02 disse...

Oi querida, vim aqui agradecer a força e o carinho com o Lorenzo lá no site, foi muito importante pra mim. Bjs
P.S - E pensar que eu tambem vou passar por isso, ui...

Ja Falei

 

Copyright © 2008 Green Scrapbook Diary Designed by SimplyWP | Made free by Scrapbooking Software | Bloggerized by Ipiet Notez