terça-feira, 23 de setembro de 2008

Relato do Parto...




Tudo começou no dia 09/09 quando fui para maternidade com 3 cm de dilatação e com contraçôes irregulares, passei por vários toques e cardiotoco para ver se a Ana Luiza estava bem, e graças a Deus estava. Voltei para casa com a orientação de fazer repouso e só voltar se estivesse com contrações de 5 em 5 minutos, se o sangramento aumentasse ou rompimento de bolsa.
Fiz o máximo que pude de repouso e as contrações parou, no sábado dia 13/09 fiquei igual a uma barata tonta, não conseguia ficar parada não sentia dores apenas uma pressão muito grande na barriga e a Ana Luiza começou a ficar mais agitada, quando foi as 19:00 comecei a sentir dor nas costas, mas como sempre tive problemas na coluna achei normal tomei um Buscopan Plus e fui me deitar para ver se melhorava. Não consegui jantar devido a azia muito forte, tomei um banho e fui tentar dormir
Consegui pegar no sono eram 01:15, quando foi 02:10 levantei para ir ao banheiro, minha bexiga parecia que ia explodir, quando me levantei notei que a bolsa tinha rompido, começou saindo pouco liquido me levantei calmamente e fiquei observando se o negocio ia aumentar enquanto o marido babava nos braços de morfeu rsrsrs, quando vi que estava aumentando chamei o marido e fomos para a maternidade, tudo na maior calma como se estivéssemos indo a um passeio(não adianta se desesperar), pois passei por esta experiência maravilhosa por três vezes antes da Ana Luiza rsrsrs.
Chegando na Maternidade estava tudo muito calmo sem correria e fomos logo atendidos a medica que me atendeu (que não me recordo o nome foi muito atenciosa) fez o toque e eu estava ainda com 3,5 cm de dilatação, mas com bolsa rota e disse que eu teria de ser internada, fiquei com medo nesta hora pois não sentia dores e a dilatação estava na mesma, e ai comecei a chorar pensando que algo pudesse acontecer com minha filha, a medica me acalmou e fui levada para o quarto, tomei um banho gostoso e fui me deitar.
Não demorou chegou o Doutor Ricardo que foi um amor de pessoa, um verdadeiro anjo o tempo todo me dando apoio e conversando muito comigo, pois chegou um momento que entrei em desespero, as dores não vinham a dilatação na mesma e ai a Ana Luiza não se mexia, foi quando quase implorei para ele induzir o parto pois eu queria era ver minha filha logo, ver se ela estava bem eu estava com muito medo de ela estar sofrendo, mesmo eles me colocando no cardiotoco eu não ficava calma.
Foi quando ele viu que eu realmente estava em desespero que ele resolveu induzir, me colocou na ocitocina as 13:40 e disse que logo eu estaria sentindo as dores, mas o que ele e nem ninguem imaginou foi que as contrações viriam tão rápidas e tão violentas, não foi nem cinco minutos e eu ja estava me contorcendo de dor, segurando a mão do meu marido e pedindo para ele me abanar pois eu suava muito, sentia um calor que nunca senti, tudo me incomodava até mesmo o lençol, tinha vontade de levantar e sair correndo daquele lugar.
Quando o Doutor Ricardo voltou para me ver ficou perplexo pois em uma hora depois da indução eu já estava com 9 cm (Obs: não fiquei nem 10 minutos com aquele treco na veia tiveram que tirar, pois as contrações vieram violentas e a Ana Luiza poderia entrar em sofrimento e mesmo assim continuei com as super contrações), ai o Doutor ja correu comigo para sala de parto (Fui andando até a sala de parto, em ponto da menina nascer no corredor rsrsrs).
Me ajudaram a deitar e a colocar as pernas naquele suporte, pediram para eu não fazer força naquele momento (oi?)pois tinha um restinho que bolsa com liquido do lado da cabeça da Ana luiza, mas um outro medico que não sei o nome pegou uma pinça para furar e bem na hora que eu não aguentei e fiz a maior força, RESULTADO o coitado alem do susto levou um banho, pois a Ana Luiza saiu inteirinha e sem aviso prévio rsrsrs, o Doutor Ricardo ficou pasmo.
Eu só conseguia perguntar para meu marido se ela estava bem, o tempo todo eu perguntava para meu marido e ele me dizia "Ela é linda amor" ela é perfeita e cabeluda parece uma princesa, eu chorei e muito...depois que a examinaram e limparam ela foi colocada em meu colo e assim que comecei a conversar com ela , ela parou de chorar, perguntei o peso dela pois tinha medo de ela alem de nascer prematura ainda estar com baixo peso e foi como um balsamo ouvir que ela tinha 2,760 Kg e 46,5 cm, pois não precisava ficar internada para ganhar peso
E Foi assim que tudo aconteceu, recebemos alta no dia 16/09 e viemos para casa com o maior tesouro do mundo, com uma menina linda que enche nossos olhos e deixa nossos corações cada dia mais cheio de amor, agora estou aprendendo ser mãe de menina já que só tive machos em casa, no dia 15 recebi a visita ilustre do meu Leonardo no hospital, estava morrendo de saudades dele, nunca ficamos um único dia longe um do outro e ele também estava bastante sentido, meu marido o levou e foi a maior festa ver aquele bebezão na cama juntinho comigo conhecendo a irmã e distribuindo sorrisos deixou as enfermeiras apaixonadas, teve uma que até pegou ele no colo e foi mostrar para as estagiarias rsrsrs.

Volto amanha para contar como o Lucas e Leo estão se comportando diante da nossa princesa e também para contar o porque eu não fiz cesarea e laqueadura



Beijos no coração

1 comentários:

Lia on 28 de setembro de 2008 19:00 disse...

Oi Linda!!!!
Como vai a Lindinha?
Ah que maravilha de relato, adoro relatos de partos normais...gostaria muito de ter feito mas não deu...
Vê se descola um tempinho pra postar...E me visita tá!
Um mega bj!

Ja Falei

 

Copyright © 2008 Green Scrapbook Diary Designed by SimplyWP | Made free by Scrapbooking Software | Bloggerized by Ipiet Notez