quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Sinequia Vaginal...


Ola minhas queridas, esses dias não tive tempo mesmo para postar, estou numa correria entre trabalho, filhos, coisas de casa e academia que sinceramente não tive tempo nem animo.
**************

Ontem ao trocar a fralda da Ana Luiza vi que os pequenos labios estavam "Colados", sim meninas, levei um susto danado, peguei ela na hora e levei ao posto de saúde aqui perto de casa, para que alguém me explicasse o que era aquilo, a enfermeira do posto tentou me tranquilizar falando que é super normal acontecer isso mas que infelizmente no posto de saúde eles não poderiam descolar...Eu teria de levar em um bom pediatra.
No fim que levamos ela no Pronto Atendimento Infantil, a pediatra disse que é "Sinequia Vaginal" uma patologia muito comum em crianças até dois anos de idade, a pediatra segurou firme nos dois lados e puxou, descolando tudo, a Aninha deu um grito, chorou, ficou sentida (Deve ter doido muito) mas tinha de ser, pois ela correria risco de pegar uma infecção urinaria, a pediatra receitou uma pomada para passar no local por 10 dias "Trivagel N", mas que é para ficar observando, pois quem tem esse problema mesmo que descole ele volta a colar novamente.
Fiquei pensando: Como pode, de um dia para o outro colar assim, pois toda vez que troco a Ana Luiza tenho o cuidado de fazer uma boa ingienização, abro bem para que não fique nenhum resíduo de xixi ou coco, e não tinha percebido nada diferente, e pra completar minha branquela esta com uma tosse, tipo tosse de cachorro, aquela bem rouca, tudo culpa da piscina, fui pesquisar sobre essa tal "Sinequia Vaginal" e encontrei esse artigo que pode ser muito útil pra vocês mamães de meninas, espero que não me abandonem, e como diz a querida Adriana mamãe da Giulia...Me ameeemm.

PS : Volto com noticias da galerinha assim que puder.

Sinéquia na vida “das bebês”: seus riscos e tratamentos


Quando falamos de consulta ginecológica já pensamos em um atendimento médico com uma mulher ou uma adolescente. A realidade não é bem assim. Existem bebês que precisam de uma consulta ginecológica, sim.
Normalmente quando a mamãe identifica algum problema na genitália da criança procura o pediatra, e este poderá indicar um ginecologista para alguns casos mais específicos.
Um problema ginecológico muito freqüente e desconhecido pelas mamães é a sinéquia dos pequenos lábios vaginais, isto é, a aderência dos pequenos lábios. Acomete meninas de até dez anos, principalmente até os dois anos de idade.
Algumas causas para que aconteça a fusão dos pequenos lábios já são conhecidas. A anatomia da genitália de “uma” bebê é diferente de uma mulher: a da bebê tem os pequenos lábios mais internos, facilitando a aderência, sobretudo quando há infecções crônicas por falta de uma boa higiene.
Outro motivo que os ginecologistas esclarecem é a baixa produção do hormônio estrogênio típico em crianças pequenas e que pode explicar a existência de maiores irritações, beneficiando a fusão dos pequenos lábios.
Assaduras causadas por fraldas ou calcinhas e traumas na região da genitália podem provocar ferimentos que por causa da baixa produção do estrogênio ficam mais “irritados” e demoram a cicatrizar, gerando a aderência.
Nem sempre a sinéquia dos pequenos lábios vaginais das crianças são encontrados facilmente pelas mamães. O tamanho varia bastante e começam de baixo para cima, da região mais distante da uretra para a mais próxima.
A aderência pode levar a infecções e retenção de urina causando dor, mau cheiro, corrimento e irritação da pele da genitália da criança. O pediatra deve ser procurado assim que houver suspeita da mamãe quanto à sinéquia e este deve indicar um ginecologista para o tratamento.
Como evitar problemas - O tratamento é simples, mas terá efeito se seguida rigorosamente as orientações médicas. O tratamento indicado é a utilização de cremes à base de hormônio estrogênio sobre a linha média da sinéquia por um período recomendado pelo médico.
Caso o uso do creme seja exagerado e ultrapasse os dias recomendados, alguns efeitos colaterais poderão aparecer na criança, como aparecimento de pêlos na genitália ou escurecimento da região.
A sinéquia pode reaparecer quando a mamãe interrompe o tratamento antes do recomendado só porque já “descolou”. Sempre siga as recomendações médicas.
Se a aderência for mais acentuada, às vezes, a cirurgia é indicada. Isso acontece em poucos casos já que a probabilidade da aderência retornar ainda mais grave depois da cirurgia é grande.


Dicas

Sem preconceito. Ginecologista não é só para quem tem uma vida sexual ativa. A consulta pode ser iniciada desde pequenininha.
Após o fim do tratamento, retorne ao especialista para uma nova avaliação da sua bebê.
Mesmo sem que exista a aderência dos pequenos lábios, procure o pediatra se houver mau cheiro ou irritação na genitália da criança.


Bruno Rodrigues
Texto retirado do site Guia do Bebe

31 comentários:

Priscila Sant'Anna on 21 de janeiro de 2010 01:45 disse...

Amiga,

Que coisa isso que aconteceu!
E olha eu nunca tinha ouvido falar nessa patologia. Imagino teu susto quando percebeu a xequinha colada.

E o artigo, bem esclarecedor.

Espero que tua princesa melhore rapidinho!

Beijos
Pri e Bia

CARINE on 21 de janeiro de 2010 09:20 disse...

Amiga que loucura em, nunca tinha ouvido falar ! vou passar a observar melhor minha neguinha, ela está com 5 anos e eu nunca observei. beijos, e obrigada pelo post.

Valquíria on 21 de janeiro de 2010 14:13 disse...

Tadinha da Ana Luiza, que a dor essa pequena não sentiu na hora do descolamento, ô judiação!!!Bom, mas o importante é que foi resolvido, sempre estou por aqui para saber das novidades, beijocas]
Val e Gui

Maria José on 22 de janeiro de 2010 12:28 disse...

Tadinha da princesa, as melhoras rápidas.
Desejo-te tudo de bom
bjokas

Paty on 23 de janeiro de 2010 03:33 disse...

Oi amiga,

Tadinha da Ana Luiza, eu sempre digo q criança não deveria ficar doente...mais com uma mãe carinhosa e dedicada q ela tem,vai ficar boa rapidinho.

Beijocas!

Livia e mamae.. on 24 de janeiro de 2010 01:57 disse...

Oi amiga que sdds daqui sabia..
ai tadinhda da Ana Luiza..tao pequenina e ja sabe o que e a mulher passa rsrsr
bjokas
e sdds c vc

Alessandra Mulher dos olhos de Deus on 25 de janeiro de 2010 21:07 disse...

Oi lindinha, nossa que coisa hem, nunca ouvi falar nisso, como tem tantas coisas que nem conhecemos e que aparecem no nosso corpo né. Tadinha, estou imaginando a dor que ela sentiu, tão pequenininha. Desejo que a princesinha fique logo 100%. Seus pequenos estão lindos!!! nestas fotos!! Grande bj e fiquem com Deus.

paula on 26 de janeiro de 2010 08:31 disse...

Néia espero que sua princesa esteja melhor,deve ser muito dolorido,não nunca ouvi falar em sinequia vaginal.

logo o Luiz vai para o seminario né?você deve estar com o coração apertadinho.

beijos

Anônimo disse...

ontem levei minha filha nas consulta normais do cd e a medica falou que ela esta com os pequenos labios colados. to perdida no assunto. ela sempre fez o cd normalmente e a medica dela nao percbeu isso. so descobri isso ontem por que foi outra medica que a atendeu. ontem ela fez 1 aninho. vc pode me passar mais informaçoe sobre isso. E-MAIL: leonicesantos-@hotmail.com

Anônimo disse...

Minha filha está novamente com sinequia vaginal. A primeira vez aconteceu quando ela estava com 6 meses e hoje ela está com 3 anos. O que os pediatras recomendam é o uso de pomada a base de estrogênio. Da primeira vez funcionou e agora estou confiante que irá funcionar novamente. Não costumo questionar procedimentos médicos, mas acho que o que fizeram com sua filha foi uma agressão... parecendo a época em que as mães eram orientadas a fazer um exercício em seus filhos que tinham fimose, de forma bem brusca até romper a pele, e hoje a recomendação é usar uma pomada específica no local para que a pele amoleça e descole. Com sua filha, assim como a minha ou outras crianças com o mesmo problema, deve-se utilizar essa pomada e não movimentos bruscos para romper a pele, podendo gerar até um trauma a criança. Fique atenta, pois esse problema pode voltar. Bjão
Meu email é: fabrinacarvalho@hotmail.com

Ale on 22 de setembro de 2010 16:17 disse...

olá espero que fique tudo com sua bbzinha

eu tive sinequia, realmente é horrivél mesmo.
imagina em 1985 quando nãp tinhamos os recurssos de hoje.
Não existia pomadinha nenhuma, era tudo no bisturi e sem anestesia senao a minha sinequia voltava.

Eu tinha uns 2 pra 3 anos e lembro ate hoje, hospital publico ja entrava chorando porque ja sabia.
Mas depois de umas 5 cirurgias nunca mais voltou.

Mas graças a Deus hoje tem outros recursos e sua filhinha vai ficar bem !

Anônimo disse...

Olá,

Minha filha está com sineqia e estou assustadissima pois nunca nem ouvi falar nisso. A medica pediatra passou uma pomada e pediu para eu ficar esticando para os lados os pequenos labios da minha pequena. Ela fica bastante nervosa quando faço isso. Acho que deve doer e fico sem saber o que fazer. Espero que descole logo, pois tenho medo de uma cirurgia...

Beijos

Kátia Cristina on 14 de julho de 2011 17:54 disse...

Estou enfrentando este mesmo proplema agora, minha filhinha tem 7 anos e já fez 3 cirurgias para abrir os pequenos labios,ela esta traumatizada, não consegue fazer xixi direito, o medico me disse q pode voltar. estou apavorada me ajude por favor

Anônimo disse...

Minha filha, também tem essa sinéquia, teve aos 8 meses, e agora ela com 11 meses reparei que estava voltando a fechar os lábios, da primeira vez que eu levei ela no pediatra ele abriu o canal e pediu para passa a vaselina. Vou ter que levar ela novamente pois está voltando... estou com muito medo de ter que fazer uma cirurgia, tomo todo cuidado possível para que não volte, mas fiquei super triste em saber que está voltando... Tadinha, tenho fé em Deus que tudo vai dar certo.... beijos e fiquem com Deus... Alice mãe da Ana Júlia...

damiana disse...

A minha filha de 8 meses tb está é a segunda vez alguns médicos me disseram que é porque não estou limpando bem outros dizem que é hormonal da primeira vez usou ovestrion e agora o médico abriu forçando to preocupada eu tive tb.

Elô Vieira on 29 de fevereiro de 2012 18:18 disse...

que absurdo!!!
minha filha nasceu com sinequia e o pediatra dela só passou uma pomada de hormonio para descolar sozinha. que maldade ter causado dor na sua filha
medicos jurassicos

gabriele disse...

Minha filha teve aderencia a cerca de 1anos e meio, e agora voltou (constatei isso ontém). De fato, o tratamento foi feito somente com a pomada indicada pelo médico, juntamente aplicada realizando uma suave massagem e resolveu na primeira vez. Não precisa provocar dor na criança...coitadinha! E cirurgia, conforme o médico que nos atende, é em último caso.

Anônimo disse...

Descobrir que a minha filha tem a sinequia vaginal,quando ela tinha 01 ano e 02 meses de idade. no inicio fiquei assustada e muito preocupada,mas a pediatra conversou comigo,me explicou que não era um problema tão grave. Ela já usou várias vezes a pomada(essa pomada contêm hormônio e a deixa muita irritada),e uso todos os dias a vaselina dermatologica para manter aberto). Tudo indica que ela tem que passar por uma cirurgia mesmo! Ai,já estou imaginado o sofrimento! Alguma filha de vocês jká fizeram essa cirurgia? E como é? O tempo de cicatrização? Agradeço!

Beijos

Anônimo disse...

Obrigada pelo esclarecimento. Levei um susto ao descobrir a sinéquia na minha mais nova. Assim que o ano virar vou procurar um pediatra ou ginecologista. Tenho medo da necessidade de cirurgia, pois meus outros filhos passaram por procedimentos cirúrgicos ao longo desse ano.

Anônimo disse...

Gente, minha filha está com 9 anos e há 9 anos trato da sinequia dela, descola passa pomada fica bem e depois volta a colar tudo de novo e foi assim até agora... Mas atualmente ela já apresenta pelos na região, poucos mas tem e com 9 anos acredito ser cedo pra isso e com certeza e por causa da pomada, ela nunca passou por cirurgia pq apesar de tudo e ela teve poucas infecções urinárias, mas confesso q nem eu e nem ela aguenta mais isso, e procuro vários ginecologista e nenhum falou até agora em cirurgia... Como agora ela está maior não quer mais deixar eu passar a pomada... Ta difícil viu... Se alguém puder me indicar algum outro tratamento ou algum bom gineco eu aceito! Meu email gi.werneck@hotmail.com
Obrigada!!!

Leiner oliveira disse...

olá a pediatra da minha bb tmb viu q ela está com sinéquia,minha bb tem 9 meses,ela indicou oleo mineral e com o contonete eu fosse descolando em casa,se ñ conseguisse indicaria um especialista para fazer uma cirurgia simples mais importante.pra saúde da bb.imagina quantas crianças tem isso e as mães nem notam pois é algo q nunca ouvi falar,porém a medica disse q é muito comum de cada 5 crianças 2 tem sinéquia!

Leiner oliveira disse...

olá a pediatra da minha bb tmb viu q ela está com sinéquia,minha bb tem 9 meses,ela indicou oleo mineral e com o contonete eu fosse descolando em casa,se ñ conseguisse indicaria um especialista para fazer uma cirurgia simples mais importante.pra saúde da bb.imagina quantas crianças tem isso e as mães nem notam pois é algo q nunca ouvi falar,porém a medica disse q é muito comum de cada 5 crianças 2 tem sinéquia!

Anônimo disse...

Olá, tive sinéquia vaginal, como não tinha acesso a médicos na época,fui a uma consulta com clinico geral aos 6 anos, onde o médico ao me examinar pediu para minha mãe me levar com 12 anos, e ela fez isso, aos 12 anos a médica me examinou e me encaminhou imediatamente para especialistas em outro estado, tive que interromper o tratamento por causa de deslocamento e aos 14 anos retornei,depois de vários exames, sendo que tiveram muitas dificuldades para encontrar o que havia de errado, fizeram a cirurgia com anestesia ráqui, recuperação tranquila, nem parecia que tinha passado pelo procedimento.Hoje estou com 28 anos, e relembro que os sintomas em que passei foram: o principal era que ficava de cama direto com muita fraqueza e sem vontade de me alimentar, o segundo xixi escorrendo na calcinha, tinha muita vergonha mais como não sabia do problema, achava que era normal, e o último que lembro é que enquanto o jato de xixi das amiguinhas fazia barulho e ia longe, o meu saia bem devagar e sem pressão nenhuma, ficava triste e fazia o barulho do jato com a boca, rsrs. Hoje graças a Deus tudo resolvido.

Estou te Esperando on 13 de julho de 2015 13:53 disse...

Jesus que médica é essa? O correto é aplicar uma pomadinha com hormonios naturais ate a pele descolar naturalemnte. Minha bebe tb têm, e o que essa médica fez é grotesco!!!

Anônimo disse...

Meninas minha bebê tbem está, ela tem nove meses! Estou preocupada, afinal tive dois meninos! Nossa estou sofrendo pra cuidar da Anna Clara! A pediatra dela, disse pra eu fazer massagem com algodão umedecido com oleo jhonsons, está tendo uma melhora, mas percebi o canal debaixo da uretra se abrindo ! Será que é normal vcs que tem meninas podem me ajudar a tirar essa duvida!

Thaís e Victor on 11 de fevereiro de 2016 12:20 disse...

Ola meninas sou nova aqui...minha filha tem 6 anos, esta novamente com sinequia, a primeira vez ela tinha 4 anos, e a pomada não resolveu então ela teve que fzer a cirurgia, do com anestesia geral aquela de cheirinho...a recuperação é rápida, mas no primeiro do arde muito para fazer xixi, e agora ela vai ter que fazer novamente, como ela não deixa os médicos mexerem vai ter que ser com anestesia geral denovo

Anônimo disse...

Ola fossem que colocar muito pomada hipoglosso uma pedriata me disse deixa bem molhado tenta pois pra minha fecha e abre eu coloco algodão uma forma de n colar fiz e inventei so

Anônimo on 21 de julho de 2016 03:43 disse...

Olá , estava navegando pela web para pesquisar sobre esse problema. Tenho 16 anos e por causa do meu pai , minha mãe não conseguiu tratar a Sinéquia , hoje em dia o canal vaginal é aberto porém mais acima os lábios são colados , descobri que tenho a pouco tempo pois minha mãe perguntou se já havia se resolvido . Bom , sei que o caso da sua bebê foi diferente mas se souber se o tratamento é diferente na minha faixa etária eu agradeceria de mais pois não encontrei nada parecido em nenhum site até agora.
Obrigada.

Anônimo disse...

Estou nessa situação...Minha filha com 1 ano e 6 meses, com sinequi,ela nubca teve fechado, de uma hora pra outra estava tudo fechado... Fiquei preocupada, pois a medica passou pomada a base de hormônios(estrogênio conjugados) vou manipular,e espero que de certo.... morro de medo dela ter wue fazer cirurgia,meu coração naoa aguent ver meu bebe anestesia... Que Deus cure nos babys..

Anônimo disse...

Olá, ontem levei a minha filha também ao médico, e quando fui perguntar se era normal na idade dela (6 anos) já começar a ter mal cheiro era normal, ela pediu para que a minha filha deitasse para que ela pudesse olhar. Neste exato momento veio a descoberta que ela também tem Sinéquia. Na hora fiquei super preocupada pois a doutora disse que antigamente existia uma pomada e que hoje só com cirurgia. Meu coração foi a mil. Me senti a pior mãe do mundo pois nunca eu tinha notado isso nela, e olha que minha mãe é psica! Sempre olhamos e cuidamos com muito amor. Eu pensava que por ela ser criança com um tempo os labios iam se desenvolvendo então nem me preocupei.
Confesso que estou preocupadíssima
A médica pediu vários exames e entre eles ultra som do abdome total e do abdome inferior feminino para saber se todos os órgãos dela foi bem formado e em seguida já marquei a consulta com uma pediatra cirurgiã especialista.

Torço para que tudo de certo em nome de Jesus.
Só de pensar que isso pode voltar novamente já me deixa louca, que sofrimento para elas :(
E que de certo com todas essas lindinhas que estão com o mesmo probleminha!

Diliane disse...

Bom, minha bebê tem 1 ano e 20 dias hoje e está fazendo tratamento com pomada de estrogênios conjugados há 21 dias. Os pequenos lábios estavam quase totalmente colados e hj já está abrindo um pouco.
A médica disse que vai descolar, mas que tenho de observar pq pode voltar a cola.

Ja Falei

 

Copyright © 2008 Green Scrapbook Diary Designed by SimplyWP | Made free by Scrapbooking Software | Bloggerized by Ipiet Notez